Manifestações do inconsciente – Parte 4: Sintoma

sintoma

 

Dos conteúdos inconscientes se originam diversas manifestações de sofrimento psíquico, que se manifestam através dos sintomas, como TOC, ansiedade, fobia, angustia, depressão, entre outros.
O sintoma é uma mensagem do inconsciente. A psicanalise propõe que todo sintoma tem um sentido, que diz algo sobre a singularidade do sujeito.
Freud aponta no decorrer de sua obra que a origem do sintoma está relacionada com desejos recalcados que não puderam se manifestar por não serem socialmente aceitos. Portanto o sintoma de alguém sempre terá ligação com sua cultura e época em que vive, bem como com a história do sujeito e da sua família.
O sintoma é a expressão de um conflito psíquico, ou melhor dizendo Continue lendo “Manifestações do inconsciente – Parte 4: Sintoma”

Ressentimento e Remorso

 

Ressentimento e remorso são emoções que geram sofrimento e ambiguidade, pois apesar da dor a pessoa pode apresentar um apego ao sofrimento.

Ressentimento e remorso são emoções que geram sofrimento e ambiguidade, pois apesar da dor a pessoa pode apresentar um apego ao sofrimento. Tanto um quanto o outro estão relacionados com situações passadas, podem gerar imobilização e comprometer planejamentos futuros, ofuscando a possibilidade de novas experiências.

Ressentimento

Re-sentir: sentir de novo, sentir coisas velhas, em oposição a abertura ao novo.

Os ressentidos geralmente são pessoas com poucos interesses e sonhos atuais. É como se Continue lendo “Ressentimento e Remorso”

Eu, inimigo meu?! (Sobre a Autossabotagem)

 

Autossabotagem: quando você é seu maior inimigo.

Sabe aquela situação que insistentemente se repete em sua vida?  Quando somos nós que contribuímos para que tudo aconteça de errado, dá-se o nome a isto de autossabotagem.
Você deve estar pensando que jamais faria algo para se prejudicar, porém tudo isso é inconsciente, ou seja, não se percebe. Por não se dar conta do que está fazendo consigo geralmente a pessoa culpa o destino ou alguém.
Muitas vezes a pessoa passa por situações dolorosas diversas vezes mesmo após ter jurado que jamais passaria por aquilo novamente.
Decorrente desse sofrimento Continue lendo “Eu, inimigo meu?! (Sobre a Autossabotagem)”

Site hospedado por WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: